A mente acima do dinheiro!

Este mês li o livro “A mente acima do dinheiro” nele é abordado através de diversas histórias uma série de situações psicológicas que justificam nossas atitudes e nosso relacionamento com o dinheiro.

Acredito que este livro vai ajudar quem está completamente endividado a entender realmente seus problemas financeiros e começar a ter a atitude para soluciona-los, quem está com a casa em ordem conseguirá manter um ambiente familiar mais agradável, pois entenderá melhor como seus familiares lidam com dinheiro. Ou até mesmo apenas para entender a raiz de seu impulso por consumo.

O livro mostra como somos vendidos por uma série de programas, dicas, métodos e planilhas que supostamente deveriam fazer com que gastássemos menos do que ganhamos. Mas na teoria, tudo é muito lindo, você escreve no papel tudo que precisa, reduz de tudo que ganha e, se fosse assim, todos seriam ricos. Na prática o que acontece ao longo do mês é um bombardeio de sentimentos e impulsos que nos fazem fugir do planejado. Dentro da nossa cabeça habitam três animais que controlam nossas atitudes: o crocodilo (que visa a sobrevivência a todo custo), o macaco (nossa memória, aprendizado e nossos comportamentos) e o cientista (autoconsciência e racionalidade) e quando passamos por uma situação de ansiedade, medo ou o forte sentimento de fazer parte de um grupo nosso cérebro entra em estado de luta, fuga ou congela e o cientista é sufocado pelos outros dois animais. Neste ponto que fugimos do orçamento lindo que havíamos planejado.

Nestas situações de estresse aparecem os distúrbios financeiros que são padrões persistentes e previsíveis de comportamento autodestrutivos em relação ao dinheiro. Podendo se expressar de três formas, através da rejeição (“O dinheiro corrompe”), adoração (“o dinheiro me fará feliz”) ou relacionais (“gastar com os outros dá mais sentido a vida”).

Para vencermos nossas dificuldades financeiras temos que massificar o oposto do motivo de fracasso. Se tiver dificuldades para controlar gastos por causa de certa atitude, devo repetir conscientemente que não farei tal coisa e justifica-la, até que diante um gatilho financeiro, meu subconsciente irá reagir positivamente ao acontecimento. No livro traz uma série de exercícios que buscam no intimo de cada individuo a origem de seus problemas financeiros, e a realização destes traz enorme paz de espirito para o leitor. Lembrando sempre que a saúde financeira é um processo e não um destino.

Livro: A mente acima do dinheiro (Brad Klontz e Ted Klontz) – Figurati, 2009. 270 Páginas

Conheça nosso canal no Youtube!